19 de fev de 2013

On 19:13 by Jeffany Moura   1 comentário
20/02/2013
#Louvor & Adoração ♪ ♫
Postado por: Jeffany Moura
Na adoração, a nossa mente ocupa-se com aquilo que Deus é e com a sua natureza: santo, fiel, puro... Na adoração, diante da santidade de Deus, acabam-se as palavras e temos a oração em línguas, ou o silêncio, onde nos encontramos exclusivamente com Deus. É quando o homem encontra a plenitude dentro dele. O amor do homem respondendo ao amor do Pai.

A palavra Hebraica para adoração no Velho Testamento é shachah. É traduzida como prostrar, reverenciar, suplicar humildemente. É impossível entender adoração sem a relacionar a uma atitude do corpo. Algumas vezes refere-se a levantar as mãos a Deus. Algumas vezes a dobrar os joelhos. Em Levítico 9:24, as pessoas colocavam o rosto no chão diante do poder do Senhor. A palavra mais usada para adoração no Novo Testamento é Proskuneo. Esta palavra é usada mais de 50 vezes. É a combinação de duas palavras gregas pros que significa "ir para" e kuneo que significa "beijar". Proskuneo literalmente significa "ir para beijar". O significado da palavra é perfeitamente expresso pela mulher que lavou os pés de Jesus com lágrimas e então os beijou. Adoração é ter aproximação e contacto com Deus. O adorador não irá a Deus como um pedinte, mas como um amante e admirador incondicional.

O Homem foi criado para Adorar

O homem é essencialmente uma criatura de adoração. Isto é parte da sua natureza. A sua escolha não é onde ou quando ele vai adorar mas quem vai adorar. Na Bíblia, Deus ordena a sua adoração. Ele não compartilhará adoração com ninguém ou qualquer outra coisa. Quando o diabo tentou Jesus no deserto ele disse: "todos os reinos do mundo eu te darei se prostrado me adorares", Jesus respondeu: "pois está escrito, só o Senhor Deus adorarás, e só a Ele servirás (Mat 4:10)." Isto ilustra o grande princípio de adoração. O que seja que adoremos, terminaremos a servir. Quanto mais adoramos alguém ou alguma coisa, maior compromisso teremos, e mais semelhantes ficaremos com quem adoramos (Sal 115).

Adorar é uma decisão final, não podemos mudar nossa natureza, a nossa natureza manda-nos adorar alguma coisa, a nossa escolha é: adoramos a Deus ou alguma coisa mais?
No decorrer do tempo o homem tem adorado ídolos de madeira, desejos físicos, dinheiro e posses, líderes políticos e falsas religiões, etc. Na mulher do poço, em João 4, vemos um exemplo clássico de como ou onde adorar.
A atenção de Jesus não estava em condenar os procedimentos da mulher mas sim satisfazer a necessidade de seu espírito de adorar verdadeiramente (João 4:23). É espantoso o facto de que Deus procura adoradores. O facto de Deus poder ser adorado é uma grande oportunidade para nós.

Aqueles que verdadeiramente adoram são aqueles que seguem a Deus em seu espírito, mas o fazem de acordo com a verdade da palavra de Deus. Paulo diz em Efe 5:18, "e não vos embriagueis com vinho, onde há exagero; mas seja cheio do Espírito." Estando cheio do Espírito, inevitavelmente estaremos a envolver-nos em adoração.
A hora de adorar a Deus é agora, não ontem ou amanhã, não devemos esperar o domingo para adorar. Não precisamos esperar até chegarmos á igreja, Deus está disponível para nós todo o tempo. É muito difícil descrever o que adoração realmente é. É mais fácil descrever o que o adorador faz.
O adorador pode-se prostrar, ajoelhar, declinar seu rosto em adoração, mas não é prostrar ou ajoelhar que faz um verdadeiro adorador.
Adoração é uma resposta a um relacionamento com Deus, mas um relacionamento muito íntimo. Dificilmente alguém entenderá o que realmente é adoração se não for humilde para reconhecer quem em tudo depende da graça e misericórdia de Deus.
Isto envolve: companheirismo; revelação pessoal de Deus para o indivíduo; mas é basicamente uma rendição interior aos pensamentos e vontade de Deus.
Devo lembrar que é quase impossível descrever em palavras o sentimento interior e sentimentos que envolvem um relacionamento.

Ninguém se pode programar a si mesmo para adorar. É um ato de vontade para agradecer a Deus, é um ato de vontade para louvar a Deus. É um ato da vontade de Deus para nos convidar à Sua presença no ato de adoração e é somente quando o nosso relacionamento com Deus é consumado em adoração que nós verdadeiramente sentimos que estamos onde Ele está e Ele está onde nós estamos.
Meditem neste hino ...
Ares da Adoração - Ministério adoração e vida
Que Deus te abençoe! :)
Fonte: Academia de Adoração


Um comentário:

  1. Grande música. Maravilhosa Canção a Deus. Muita Unção nessa letra.
    O Ministério Adoração e Vida é um dos maiores nomes da música Católica e Cristã desse nosso País.
    Parabéns pelo Post.

    ResponderExcluir