27 de jan de 2011

On 11:47 by HERIVELTON MARCULINO   Sem comentários

Muitos internautas me perguntam a respeito do futebol — principalmente depois de eu ter mencionado em meu livro Erros que os Adoradores Devem Evitar que ministrei uma palestra para um time que estava prestes a ser rebaixado para a segunda divisão —, e vou aproveitar essa oportunidade para lhes responder.
Nos tempos neotestamentários havia algumas modalidades esportivas. Mas o Novo Testamento nada fala especificamente acerca do futebol, embora apresente vocábulos futebolísticos, como estádio,campo, trave, etc. O apóstolo Paulo, em 1 Coríntios 9.24, ao falar do atletismo, empregou um termo conhecido no meio futebolístico: estádio. Na parábola da grande ceia, o Senhor mencionou um homem que se esquivou, dizendo: “Comprei um campo, e importa ir vê-lo” (Lc 14.18). Há crente que deixa de ir ao templo para louvar a Deus aos domingos porque prefere ir ao estádio assistir ao seu time entrar em campo. E, depois, ainda quer falar mal do seu irmão... “Hipócrita, tira primeiro a trave do teu olho” (Mt 7.5).
Não sou torcedor, pois isso me desviaria do alvo principal: amar a Deus sobre todas as coisas. Mas até que gosto de três times paulistanos: Palmeiras, Santose São Paulo. Por quê? No Salmo 92 está escrito que os justos florescem como Palmeiras (v.12). Também encontramos na Bíblia o mandamento para sermos Santos (1 Pe 1.16). E São Paulo é o autor de treze epístolas!
Vascaínos fanáticos — aqueles que, ao preparar o seu prato, colocam duas porções de arroz, à direita e à esquerda, e fazem uma faixa de feijão preto no meio — costumam dizer que o Vasco também aparece na Bíblia: “Eis que estou convasco todos os dias”... Isso já é cegueira espiritual!
Acho que o grande problema do futebol brasileiro, em geral, é que sempre aparece um juiz iníquo (Lc 18.2) para atrapalhar... Por isso, querido internauta, não deixe de fazer coisas importantes, necessárias, urgentes, por causa do seu time de coração. É lícito se divertir. Mas sofra por causas nobres. E lembre-se: “onde estiver o vosso tesouro, aí estará também o vosso coração” (Mt 6.21).
Amém?
Ciro Sanches Zibordi

0 comentários:

Postar um comentário